FANDOM


Mello
Mello
Aparições
Estreia no mangá:

Capítulo 59: Zero

Estreia no anime:

Episódio 26: Renovação

Jogo(s):

Death Note: Kira Game
Death Note: Successor to L

Informações gerais
T.C.C:

Mihael Keehl (ミハエル・ケール, Mihaeru Kēru)
M (エム, Emu)

Raça:

Humano

Gênero:

Masculino

Sangue:

A

Data de nascença:

13 de dezembro de 1989 (1992 no anime)

Data de óbito:

26 de janeiro de 2010 (2013 no anime)

Idade:

14 pre-timeskip
19-20 post-timeskip

Organização:

Wammy's House
Máfia

Informações estatísticas
Inteligência:
  • 8/10
Criatividade:
  • 7/10
Iniciativa:
  • 10/10
Resistência emocional:
  • 7/10
Habilidades sociais:
  • 9/10
Elenco de voz
Seiyû:

Nozomu Sasaki (佐々木・望, Sasaki Nozomu)

Dublador(a):

Marcos Souza


Não é apenas o caderno que eu estou atrás. Quero eliminar a minha concorrência. Eu vou ser o melhor. Eu não me importo o que é preciso. Eu vou superar Near por quaisquer meios necessários.
 Mello 
Mihael Keehl, também conhecido como Mello (メロ, Mero), é o mais velho dos sucessores de L, criado no orfanato Wammy's House em Winchester, Inglaterra. Quando Roger decide que Mello deve trabalhar com Near para capturar Kira, ele se recusa, alegando uma incapacidade de trabalhar com alguém que é considerado de "segunda". Ele deixa o orfanato, logo depois, dizendo: "Eu vou encontrar meu próprio caminho", e, eventualmente, busca a ajuda da máfia.

AparênciaEditar

Mello tem cabelo loiro e olhos azuis. Mais tarde, ele ganha uma grande cicatriz no lado esquerdo de seu rosto, depois de se iniciar uma explosão do esconderijo da máfia a fim de escapar de ser capturado. Mello é geralmente visto vestindo roupas de couro escuro. O mangá mostra que ele estava usando um rosário de cor vermelha e uma pulseira de cross-adornado. No anime no entanto, a cruz foi editado para ser uma vara (a parte horizontal da cruz não está presente). Ele também carrega uma arma que, no mangá, tem uma cruz presa a uma corrente que pende da sua alça.

PersonalidadeEditar

Embora Mello seja certamente um gênio e mais inteligente que a maioria das pessoas, o conceito de ser apenas a segunda pessoa mais inteligente da Wammy's House, apenas atrás de Near, alimenta o complexo de inferioridade que define o seu caráter. Mello beira a imoralidade com a sua obsessão em ser o único a derrubar Kira e está disposto a fazer "o que for preciso". Táticas que incluem o sequestro da filha do diretor policial japonês (Sayu Yagami), e ter um membro da máfia escrevendo os nomes da maior parte dos membro da SPK no Death Note de Sidoh. No mangá, depois de Mello roubou com sucesso um Death Note, ele vai ainda mais longe ao tentar chantagear o presidente dos Estados Unidos através do telefone em dar-lhe os fundos e recursos para ajudar a sua caça por Kira, ameaçando que, se suas exigências são não se encontraram, ele vai usar o Death Note para forçar o presidente a lançar mísseis nucleares dos Estados Unidos e começar a III Guerra Mundial. Indiscutivelmente, Mello não está mesmo tentando derrotar Kira fora de um sentido de "justiça", mas porque a captura de Kira vai provar para o mundo que Mello é realmente o digno sucessor de L como o maior detetive do mundo, e não apenas vice-campeão ao próximo, ou como Mello descreve seu objetivo em suas próprias palavras, "Eu vou ser o novo número um!"

O artista de Death Note, Takeshi Obata aponta no livro Death Note: How To Read 13 que a inveja e ódio de Mello por Near era unilateral, e que Near "honestamente gostava de Mello". O livro afirma que Mello não é puramente mal, citando o seu pedido de desculpas e cuidado genuíno para o bem-estar de Matt, assim como no início da série, quando ele pede desculpas a Soichiro Yagami. Ele também afirma que Mello tem uma excelente ideia e que ele às vezes deixa suas emoções ficarem no seu caminho. Tsugumi Ohba, o escritor de Death Note, afirmou que Mello trabalha duro para tudo.

Semelhante ao gosto de L para doces, Mello muitas vezes come barras de chocolate, mesmo quando está falando. No mangá, Mello é frequentemente visto lambendo o chocolate antes de comê-lo. Mello também tem o hábito de dobrar a perna direita para cima, sentado, muitas vezes com a perna esquerda virados para fora. Ele tende a alternar entre essa pose e simplesmente cruzar a perna direita sobre a perna esquerda. Outra coisa sobre ele que é muito parecido com L é a sua tendência a tomar estratégias drásticas para confundir e forçar a mão de seus oponentes.

HistóriaEditar

Mello é introduzido pela primeira vez como um jovem adolescente da Wammy's House. Ele é mostrado brincando lá fora com outras crianças (e acertando um garoto na cabeça com uma bola de futebol), enquanto Near fica dentro de casa sozinho, trabalhando em um quebra-cabeça em branco. Quando as crianças voltam para dentro do local, Mello pode ser visto segurando um garoto. O gerente, Roger Ruvie, então pede a ele e Near para irem até seu escritório, onde os garotos ficam sabendo sobre a morte de L.

Mello fica indignado com a notícia, em contraste com Near, que permanece quieto. Ele, então, pergunta a Roger se L escolheu ele ou Near como um sucessor, porém L não havia escolhido nenhum ainda. Roger tenta convencê-los a trabalhar juntos, Mello se recusa, afirmando que eles nunca se entendem, e em termos de conhecimento e habilidade Near está sempre à frente dele, não importa o quanto ele tente. Ele afirma que Near deveria ser o sucessor de L, sendo ambos calmo e metódico, e sai da Wammy's House, determinado a encontrar Kira à sua maneira.

Assim, Mello vai para a América, onde ele junta forças com Rod Ross, um dos principais mafiosos. Ele prova seu valor, destruindo chefes da máfia que até Kira não podia identificar, e suas informações são de valor inestimável para Ross que é persuadido a ajudar Mello a reivindicar o Death Note.

Para conseguir o poderoso Death Note, Mello sequestra o comissario Takimura. Após alguns dias Takimura se suicida. Mello suspeita que seja obra de Kira apesar de estar ciente de que tem a chance de não ser Kira. Mello então decide sequestrar Sayu Yagami. Mello graças ao método consegue o Death Note. Mello escapa da equipe de Light, e então usa o Death Note para matar os membros da SPK (Equipe de Near) mas com o poder de Death Note seus capangas usam para matar uns aos outros (apesar de Mello não ligar nem um pouco). Depois de um tempo Light e sua equipe descobrem o esconderijo de Mello, usando outro Death Note Suichiro Yagami mata a maioria dos membros da mafia. Mello é encurralado por Suichiro Yagami, Mello prestes a atirar em Suichiro é parado ao perceber que Suichiro sabe seu nome. Mello distrai Suichiro e um dos capangas de Mello aproveita o momento e atira nas costas de Suichiro que cai no chão. Mello ao ver o FBI na sua frente explode o prédio sumindo por completo do local e fugindo. Mello (com uma marca no rosto causada pela explosão) vai até Near e pega sua unica foto . Em seguida sai, mas antes dá uma pista sobre o Death Note.

MorteEditar

Mello pede a Matt para espionar Misa, Aizawa e Mogi. Enquanto isso pensa em algumas estrategias para derrotar Kira. Depois de um tempo pensando, Mello pede a Matt para distrair os seguranças de Takada para assim consegui captura-la. Matt faz o que Mello pediu mas acaba morrendo. Mello sequestra Takada e a deixa num caminhão assim a deixa nua (já que ela poderia ter um pedaço do Death Note escondido) Mello então olha a reportagem e percebe que Matt infelizmente morreu, Mello pede suas sinceras desculpas e estaciona o caminhão. Takada escreve o nome de Mello no pedaço de seu Death Note que ela tinha pego quando tirava o sutiã, assim matando Mello. Graças a isso Light é forçado a matar Takada mas ele nem suspeita que Mikami faz o mesmo, e como Mello havia planejado Near consegue o caderno de Mikami. E graças a isso Near e Mello derrotam Kira.

Death Note (drama)Editar

No Drama, Mello não aparece fisicamente e de certa forma, nem existe, Mello é apenas uma personalidade que Near possui e por alguns momentos, toma conta de seu corpo, agindo por contra própria, ainda com o intuito de pegar Kira, porém de forma mais violenta (chegando a fazer Near sequestrar Sayu).

Enquanto Near ainda está sã e em si, Mello é demonstrado como um boneco (marionete) de madeira, porém, quando Mello toma conta de Near, ela se veste de forma masculina (já que Mello é uma personalidade de homem) e parecido com a forma vista no anime/mangá.

CuriosidadesEditar

  • Sidoh revela que mesmo sendo um Shinigami sente medo de Mello.
  • Mello e Matt provavelmente eram amigos no orfanato.
  • Mello gosta de jogar futebol.
  • Na verdade Mello é basicamente um gênio, mas deixa suas emoções assumirem o controle de si, fazendo ele reagir violentamente e diminuindo sua inteligencia (já que ele não consegue pensar muito quando está com raiva).

The Los Angeles BB Murder CasesEditar

Mello é o narrador da light novel spinoff do Death Note, Death Note: Another Note - The Los Angeles BB Murder Cases, ele afirma que ele só está contando a história, a fim de exibir o seu maior conhecimento de L para Near. Near como Mello decide que ele não pode ser a única pessoa a ler o livro, então ele deve torná-lo mais interessante enquanto narra, Mello usa técnicas diferentes: ele começa como um narrador típico, mas aos poucos adquire uma forma de discurso que é geralmente associada com uma narração ao vivo. A razão de Mello para isso é que ele teria ficado aborrecido. O livro também muda as opniões de Mello ao ponto de vista de Naomi Misora.

GaleriaEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória